Gatos

A Obesidade nos Gatos, como lidar e controlar o excesso de peso

A Obesidade nos Gatos é um problema grave dos tempos modernos.

Obesidade nos gatos

Gato com excesso de peso / Obesidade

Se o gato consome mais energia do que aquela que gasta, torna-se obeso, ao acumular gorduras em excesso. Consequentemente a esperança de vida diminui. A obesidade nos gatos é um problema que deve ser levado a sério.

O peso ideal depende de muitos fatores tais como idade, raça, se é fêmea ou macho. É essencial que o dono controle periodicamente o peso do seu gato. Estes são os sinais a que deve ter atenção:

  • Alteração visível no corpo: barriga redonda, costelas invisíveis, gordura na base da cauda…
  • Redução da actividade física, que por norma acompanha ganho de peso
  • Incómodo em dias mais quentes: significa que o gato tem gordura em excesso

Gatos mais propensos à obesidade são:

  • Castrados (devido às alterações hormonais)
  • Gatos de interior com espaço limitado
  • Gatos mais velhos

O excesso de peso tem impacto na qualidade e esperança de vida do animal. Pode também provocar determinadas doenças tais como displasia, artroses, problemas hepáticos, stress e distúrbios emocionais, diabetes entre outras.

Antes de tomar uma atitude em relação ao seu gato, leve-o a uma consulta com o veterinário, pois o aumento de peso por vezes pode ter um motivo escondido que não é relacionado com a ingestão de comida.

Gatos com obesidade

Como ver se o seu gato é obeso

Quer ajudar o seu gato a perder peso? Damos-lhe a seguir algumas dicas para controlar a obesidade nos gatos:

  1. Divida a comida em doses menores, mais vezes ao dia, dando menos comida no total do dia. Assim ele fica menos tempo sem comer e sentir-se-á mais saciado, apesar de ingerir menos alimentos.
  2. Em alternativa pode optar por uma ração light, sem ter que diminuir a dose diária, e mantendo os nutrientes necessários. Mas divida mesmo assim as refeições como aconselhado no ponto anterior.
  3. Controle a alimentação dele, não deixando que vá comer as refeições de outros animais, dentro ou fora de casa. Tenha a certeza que sabe o que ele come.
  4. Peça ajuda a todos os membros da família para que corra da melhor forma possível e todos ajudem no processo.
  5. Não dê snacks fora das refeições. Se tiver que dar alguma coisa, escolha um miminho saudável e pouco calórico.
  6. Nunca dê sobras das suas refeições.
  7. Faça um registo preciso das alterações de peso do gato, para saber o que está a funcionar e o que deve fazer de outra forma
  8. Brinque muito com ele! Ele precisa gastar energia e vai adorar passar mais tempo com os donos. Durante o tempo que ele passa sozinho deixe brinquedos para ele se divertir e mexer enquanto espera por si. Não se esqueça de lhe dar água fresca no fim de cada brincadeira.
Circuito Cat It para gatos

Circuito CAT IT para gatos

Assim que o gato atingir o peso certo, pode dar um pouco mais de ração para encontrar um equilíbrio, continuando sempre atento a novas variações de peso ou alterações comportamentais

Não faça dietas radicais, o seu gato pode ficar subnutrido ou deprimido com fome!

Na Petness pode encontrar várias guloseimas saudáveis e que não engordam, para fazer as delícias do seu gato. Mas lembre-se que só deve dar snacks de vez em quando!

snacks para gatos

Sunday Pets Freeze Dried mexilhão

snacks congelado a seco para gatos

Natures Menu Freeze Dried Cat treats

Orijen snacks para gatos

Orijen Tundra cat treats

 

Deixe um Comentário